|
|

VICIADOS EM SEXO

Julho  2009 / 23 4 Comments


  • catia sousa says:
    Março 13, 2010 22:52 PM

    Reply

    Gostei muito do seu comentário a respeito de pessoas que tem este problema com o vicio em sexo,tenho um amigo com este problema e gostaria muito de ajuda-lo.Ele é uma pessoa muito especial, e pelo que eu li, como os amigos podem ajudar?Isso eu ainda não encontrei resposta.Ele já faz tratamento,eu não tenho nem um relacionamento sexual é uma grande amizade.Agradeço pela descrição.

    • Cara Catia,

      Nestes casos o que os amigos podem fazer é continuar a ser amigos. Indo um pouco mais longe, podem aconselhar a pessoa que tem o “problema” a procurar ajuda de um profissional de Psicologia.
      Só um profissional pode prestar uma ajuda terapêutica que pode realmente ajudar. Os amigos podem ajudar sendo amigos, mas o melhor é levar a pessoa a procurar um procedimento terapêutico.

  • Arlindo Machado says:
    Setembro 22, 2010 10:35 AM

    Reply

    Li atentamente o seu comentário, e tocou-me particularmente.
    Sou de certa forma viciado em sexo, e por isso procuro ir a uma/varias prostitutas frequentemente para satisfazer a minha necessidade.
    Queria acrescentar que sou muito feliz em casa, adoro a minha mulher, e seu bem onde quero estar e não quero perder, o que me leva a sentir terrível depois de ir a uma prostituta.
    Não desejo de maneira nenhuma ter uma amante, muito pelo contrário, nestes momentos só procuro um momento de prazer, que no final se transformar num inferno na minha cabeça.
    Tenho que acrescentar que desejo muito a minha mulher e que tenho muito prazer quando estou com ela, mas pelos vistos não me chega.
    Quero terminar com esta guerra interna e este desconforto que sinto dentro de mim, o que posso fazer? Porquê que sou tão anormal?
    Obrigado pela atenção!

    • Ex.mo. Arlindo,

      Não se trata de ser anormal. O que descreve é algo que acontece a algumas pessoas. Mas tal não significa que não possa ser alterado. Acho que você deve procurar ajuda de um psicoterapeuta. Num processo terapêutico você pode vir a encontrar a verdadeira razão (a razão inconsciente) pela qual é impelido para esse comportamento e encontrar a tranquilidade para superar a sua dificuldade.

Leave a reply

Your email address will not be published. Website Field Is Optional